terça-feira, 3 de outubro de 2017

Ressonância Magnética?

Imagem daqui,

     Quem já passou por um exame de ressonância magnética, sabe, que além do ruído que a máquina produz durante o procedimento, ainda há o desconforto provocado pelo reduzido espaço oferecido dentro do aparelho, que para os claustrofóbicos como eu, se torna sempre um ato de verdadeira proeza.

      Recentemente, passei por mais um exame de RM da coluna lombar  e desta vez, resolvi encarar tudo com muito bom humor! Quando estava dentro da máquina, relaxei e o que eu ouvi e vi, procurei resumir neste vídeo que acabei de editar.  Espero poder contribuir com os amigos que eventualmente precisem de um Exame de Ressonância Magnética.



Aqui tem novidades sobre o ERM.

"A noite acendeu as estrelas porque tinha medo da própria escuridão". Mario Quintana.


Se você se identificou com o perfil deste blog e gostaria de publicar uma criação sua, envie para vnanii2010.oldeagle@blogger.com. Todos os direitos autorais e créditos serão preservados. Obrigado. 

19 comentários:

  1. rsssssss, eu já fiz ressonância e NUNCA MAIS!!!
    Aquele barulho? Tive de me superar...Não adiantou taparem meus ouvidos.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Noooossa! Esse som é exatmwente igual ...CREDO! Detesto.Pra mim, ficar sem poder me mexer é o pior de tudo.Ou melhor: SABER que não posso mexer.pois daí que dá de tudo...abraços, chica

    ResponderExcluir
  3. Oi Victor! Fiz somente dos joelhos e já achei horrível...parece que o tempo não passa e o medo de se mexer e ter que repetir desde o começo...Torcendo para seus exames serem favoráveis. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, Dalva, o medo de dar errado é real.
      Obrigado pela torcida, deu tudo certo!
      Abraço!

      Excluir
  4. Olá, meu querido "medricas" (rs)!

    Homi (rs) só não tem medo de aventuras, pois, dessas e de outras, bem pelo contrário, adora elas, mas ter k fazer exames médicos, e ainda por cima sendo médico, ah, não dá, isso é para os outros, para os pacientes, afirmam.

    Você, claustrofóbico. Pois, mania das alturas e dos espaços infinitos. Entendo. Eu não gosto de voar, mas não tenho pânico disso, aliás, eu não tenho fobias, ah, mas tenho outras "coisas", como não gostar de estar junto do mar, mas se tiver k estar, estou, embora a taquicardia se faça logo sentir.

    Fiz há cerca de dois anos uma RM e antes tinha feito, umas 2/3, mas sempre fui muito bem atendida. Tenho hérnica discal L4, L5 e fui eu que disse ao Reumatologista, que achava que tinha hérnia nos discos (não, nos de vinil - rs) e que seria bom fazer RM, exame quase nada invasivo. Pronto, ele concordou, um pouco, contrariado, mas passou o exame.

    Chegada à clínica, o médico me perguntou, que tipo de musica eu queria escutar durante o exame: romântica, clássica ou pop? Fiquei olhando ele, que era lindo de morrer, e respondi: romântica e veio o "Feelings", logo pra começar e depois se seguiram outras, do mesmo teor. Que te parece, Vítor? Acha que eu escutei o barulho, o martelar daquela "coisa"? Que nada? A única coisa de k me queixei após o exame, foi a minha posição de múmia (rs) e perguntei para o médico: Dr. eu tenho 68 Kg e isso é para meninas top models, cujo peso não seja superior a 40 Kg. Ele se riu, de vontade, e ai que dentes e ai que sorriso!

    O vídeo daqui transmite exatamente o barulho, que dizem k se ouve, embora eu tb escutasse um pouquinho, mas mto, mto baixinho, não incomodando nada.

    Há momentos em que a escuridão, aquele luz que fusco dá um jeitão (rs)! Nesses momentos, não precisamos de estrelas pra nada, pke vendo estrelas já estamos nós (rsrs)!

    Beijinhos e abracinhos, como sempre, bentinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que você ouviu música durante o exame, porque eu sempre ouço as marteladas.
      A minha claustrofobia é moderada. O que eu gosto mesmo, é de LIBERDADE!
      Beijos recíprocos!

      Excluir
  5. Oi, querido!

    Passando pra você não se esquecer de mim, te dar um beijinho e um abracinho, daqueles, lentinhos. sabe? Gostou do outro?

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Depois de algumas k, levo meu próprio fone de ouvido
    mas escuto rock , Led Zeppelin, Rusch, Ganz, Janis Joplin e aí se vai...
    até ópera! k Boa semana.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Mil gracias, CEO, por visitar mi blog, y ójala vayas más veces para allá, estas en tu casa, como yo también vendré por acá más veces a ver tus entradas.

    Besos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hola, Maria!

      Este no es mi blog, pero te entiendo. Es mucho mejor estares com o Victor do que comigo.
      Passarei pelo teu blog, despois.

      Besos y dias felices.

      Excluir
    2. Mi querida a miga CEU, sino te importa déjame el enlace de tu blog es que no lo tengo, por lo que veo me confundí, pensaba era el tuyo, pero de todas formas, un placer haber descubierto a Victor, gracias a ti.

      Besos enormes.

      Excluir
  8. Amigo Victor
    Nunca passei por tal situação, mas agradeço, pois já fiquei elucidada.
    Infelizmente, penso que, dentro da máquina, os sons não conseguem sossegar-nos tanto.
    Votos de muita saúde.
    Uma excelente semana.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  9. Eu nunca fiz RM, deve ser muito complicado. As máquinas me assustam, acho que nenhum som me deixaria calma. Qualquer exame já me deixa nervosa, acompanhei minha mãe certa vez numa RM e fiquei mais nervosa que ela.
    Uma grande semana pra ti, com tudo de bom.
    Abração Victor!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Hahaha...
    Fiz duas vezes, só de pensar o que senti quando abrir os olhos no meio da RM "sem querer, me dá pânico".
    Deus abençoe.

    ResponderExcluir

Seu comentário é o que torna especial esta postagem. Enriquece extraordinariamente o conteúdo!
Lembrando Saint Éxupery:"Aqueles que passam por nós, não vão sós. Não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós".
Obrigado pela visita!
Abraços!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. AVISO LEGAL Todos os direitos reservados. Esta coletânea de textos e imagens são propriedades do autor e estão protegidos por direitos de propriedade intelectual, que não podem ser utilizados em qualquer meio ou formato sem a autorização do autor. Vitorio Nani - 12/06/2010.